terça-feira, 25 fevereiro, 2014
Capa > Técnicas > Fimo/Clay > Bijuterias de Biscuit
Bijuterias de Biscuit

Bijuterias de Biscuit

Bijuterias de Biscuit: Você já ouviu falar em bijuterias feitas em massa de biscuit? Além dessas, hoje vou falar da massa de fimo também. Saiba as diferenças, modo de preparo e tudo para a criação de lindas peças modeladas à mão.

Brincos “Alice no País das Maravilhas”
Detalhe com base de pressão para brincos
Não? Então veja alguns exemplos de bijuterias em biscuit e aprenda a fazer a massa agora mesmo!
O Biscuit ou Porcelana Fria é conhecido como arte de modelar utilizando um tipo de massa a partir da mistura de amido de milho, cola branca, limão ou vinagre e vaselina. Este tipo de massa também é conhecida como porcelana fria, pois não precisa ser cozida em forno e seca em contato com o ar.
O biscuit é uma massa de fácil modelagem manual, aceitando tingimento e pintura com diversos tipos de tintas e corantes.

Estes são os modos de preparo da massa

Ingredientes

  • 02 xícaras de chá de cola branca própria para biscuit
  • 02 xícaras de chá de amido de milho
  • 02 colheres de sopa de vaselina líquida
  • 01 colher de sopa de caldo de limão, vinagre ou formol
  • 01 colher de sopa de creme hidratante sem silicone, que será utilizada para sovar a massa após o cozimento

Modo de preparo no forno de microondas

Dependendo da potência do seu microondas o tempo de cozimento pode variar entre 1 min e 30 segundos até 10 minutos. Faça um teste na primeira vez que cozinhar a massa, tirando a massa e mexendo a cada trinta segundos, para que ela não passe do ponto.
Misture todos os ingredientes, leve ao microondas por 3 minutos (em média) na potência máxima e mexa a cada 1 minuto.

Modo de preparo no fogão

Misture todos os ingredientes mexendo com uma colher de pau (específica para fazer a massa – não misture com o restante da louça) até desprender do fundo da panela (antiaderente) sem estar totalmente ressecada, isto é, com um pouco de cola mole. Para quem já fez massa de coxinha (salgadinho) o ponto é o mesmo.

Sovando a massa

Após o cozimento, espalhe o creme nas mãos e em uma superfície lisa e fria (pi
a da cozinha por exemplo ou bancada de mármore) e sove como massa de pão. Cuidado com o calor da massa para não queimar as mãos.

Dicas

A massa tem que ser sovada enquanto está quente, para ficar macia e elástic
a. Depois de sovada (a massa já estará morna) guarde-a em um saco plástico limpo, livre de poeiras e gorduras. Deixe a massa descansar por um dia. Retire a massa do saco plástico, seque-a e guarde em um novo saco plástico. Depois é só tingir com a cor desejada e modelar a vontade. Também pode ser modelada com a massa natural (essa que acabou de ser explicada) e ser pintada depois de seca com tinta látex, acrílica e também tinta a óleo. Estas mesmas tintas podem ser usadas para tingir a massa.
Outra opção para armazenar a massa é utilizando potes de plástico. O procedimento é praticamente o mesmo acima, só trocando o saco plástico pelos potes.
Veja como algumas pecinhas ficam lindas! A sua criatividade é quem vai falar mais alto em se tratando de bijuterias como essas.

Para quem não conhece, existem também as bijuterias feitas com a massa de Fimo também conhecida como Polymer Clay.

Massa Fimo – Cerâmica Plástica

A cerâmica plástica é utilizada para decoração de diversas superfícies como : vidro, madeira, metais, louças, entre outras.
É utilizada tambem na fabricação de pequenos objetos decorativos… miçangas, bolinhas, etc, para colares, pulseiras, broches, figuras, etc.

O nome Fimo é o nome do fabricante mais conhecido da massa, que hoje em dia passou a ser tambem o apelido mais usada para este tipo de massa de modelar, mas existem outras marcas como Sculpey, Cernit, Modelene e a Klymt e a Poliart, fabricadas no Brasil.
A massa Fimo é um polimero que resiste á água e fica muito duro(sólido) depois de cozido.
Após a cura, é totalmente resistente a água, podendo ser lixada, polida, envernizada (ver dicas), serrada, pintada e, inclusive retornar ao forno para a aplicação de algum detalhe de massa crua.

A criação

Existem várias técnicas de criação para se obter os mais diversos efeitos.
Entre estas tecnicas a MILLEFIORI ( Mil Flores ) , que consiste em fazer uma mistura de massas de cores diferentes, depois fazer um rolinho e depois cortar em pequenos pedaços que darão padrões unicos.
Pode-se fazer padrões em degrade, marmorizado, espirais, etc, com acabamento lixado e envernizado para se ter uma aparencia de porcelana.

O cozimento

Depois de trabalhada a massa é levada ao forno a 110° C/130° C durante 30 minutos, para endurecer ( este tempo tambem depende do tamanho das bolinhas, etc, e da marca da massa utilizada ). A melhor coisa é sempre seguir as instruções do fabricante.
Um cozimento a uma temperatura mais elevada ou mais demorada pode provocar gases tóxicos. Então é acoselhavel que mesmo respeitando as indicações do fabricante ( temperatura e tempo de cozimento), arejar bem o local de trabalho e o forno depois de utilizado, o ideal seria ter um forno só para o trabalho. Como a temperatura é relativamente baixa não exige um forno especial.
Para resfriar as peças mais rapidamente voce pode passa-las em água fria, principalmente se esta usando uma massa translucida.

Atenção!

A massa fimo é tóxica por ser fabricada com produtos á base de petrólio.
Evite de tocar os olhos ou a boca com as maos enquanto trabalha, o contato com cicatrizes tambem não é recomendado. Lave bem as mãos “sempre” após o trabalho.
A ingestão deste produto tambem pode ser perigosa, por isto não é recomendado que seja usado ou deixado á mão de crianças com menos de oito anos !

Superficie de trabalho

Pode ser uma placa de vidro, formica ou marmore. O importante é que seja bastante lisa para não marcar a massa.
O mesmo de aplica ao rolo e ás mãos que tendem a deixar as impressões digitais (use luvas sirurgicas).

Amaciamento

Sove sempre pequenas porções da massa por vez.
Aconselho no máximo meio bloco, pois se ela estiver muito dura você terá muita dificuldade em sovar porções grandes.

Como a massa endurece com o calor, massas cruas devem ser armazenadas envoltas em plástico filme ou celofane,e protegidas do sol e de outras fontes de calor.
Pode inclusive ser guardada em geladeira, devendo ser retirada da mesma algumas horas antes de iniciar o trabalho para que volte a temperatura ambiente.

Comece sempre amaciando as cores mais claras, se necessário lavando as mãos entre uma cor e outra para não “sujá-la” com a cor anterior.
Por outro lado, massas muito moles podem deformar alguns trabalhos (como os desenhos do millefiore), então podemos embrulhar a massa por uma ou duas horas com papel manteiga, para que ele absorva um pouco do óleo plastificante.

Rolinhos (caneworks)

Você pode guardar seus rolinhos por dois meses ou mais, contanto que eles estejam envoltos em celofane ou plástica filme, e protegidos do sol e outras fontes de calor.
Não é, recomendado guardar por muito tempo, pois na hora de fatiar, o rolinho pode estar quebradiço e irá se esfarelar.
Neste caso, tente aquece-lo rolando-o levemente entre suas mãos ou misture uma gotinha de vaselina líquida ou óleo mineral .

Corte

Para cortar o Fimo o melhor são as lâminas para estilete. Mas pode usar arame fino ou outra ferramenta que voce inventar.

Limpeza

Limpe bem com álcool todos os materiais usados no trabalho para melhor conservação dos mesmos.

Mistura de cores

Existem muitas cores de cerâmica plástica no mercado e, como elas são totalmente miscíveis, isto te possibilita criar uma variedade ainda maior. No entanto, não se esqueça que a massa já condicionada, deve ser usada logo por não ter mais a mesma durabilidade da que ainda não foi amassada.
Guarde todas as sobras de massa, sempre bem acondicionadas em plástico, pois elas são muito úteis tanto como recheio de algumas peças, como na confecção de moldes e em várias técnicas (marmorização, caleidoscópio, etc).
Algumas massas podem estar muito duras ou quebradiças.
Neste caso misture uma gotinha de vaselina líquida ou óleo mineral para facilitar o seu trabalho. Esse processo também ajuda na miscigenação das cores.

Forno

Use seu forno convencional a gás, ou o elétrico.
Se ele tiver como temperatura mínima 150° ou 180°, coloque suas peças sem pré-aquecer, ligue na temperatura mínima e deixe por 10 minutos com a porta fechada. Coloque um prendedor de madeira na porta, para que a mesma fique entreaberta e deixe assar mais 20 minutos.
Desligue o forno, retire o prendedor e deixe as peças esfriarem lá dentro.
É recomendável que o forno seja limpo freqüentemente com produtos para este fim.
Nunca asse em forno microondas.

Lixa

Para um acabamento mais liso e acetinado, lixe seu trabalho com uma lixa d’água grão 600 sempre molhando bem a peça e a lixa.
Use uma bacia com água e uma gota de detergente de cozinha, para facilitar o trabalho.
Esponjas abrasivas também são muito úteis no processo.

Teste

Faça sempre um teste assando apenas uma pecinha para ver o resultado, pois os fornos são sempre diferentes um dos outros. Dessa forma você diminui bastante o risco de perder seu trabalho.
Harmonia
Antes de começar algum trabalho, coloque as cores escolhidas na mesa e observe se elas estão em harmonia.
Técnicas como o Millefiore, necessitam de cores contrastantes para destacas os desenhos.
Bolhas
Tenha cuidado com a formação de bolhas em seu trabalho. Elas podem danificá-lo!

VERNIZ

Muito cuidado com a aplicação do verniz. Use somente o apropriado para cerâmica plástica.
Outros vernizes não secam nunca, ou melam depois de alguns dias.
Nunca use esmalte extra-brilho pelo mesmo motivo.
Fonte: www.ceramicaplastica.com
Veja um vídeo de como fazer miçangas de fimo!

 

Sobre MarianaEspindola

Formada em Direito, é Empresária, Escritora e Blogueira.

4 comentários

  1. Oi Mariana!
    Quantas possibilidades de criação em biscuit.
    Maravilhosa essa publicação.
    Já estou imaginando algumas contas e pingentes feitos com essa técnica.
    Beijusss.
    Vilma.

  2. oi mariana ,adorei suas bijus em biscuitme inspiraram para criar algumas ,um abraço.lena

  3. oi!!! gostei desta explicação, algumas coisas eu não sabia mesmo. rsrs. gosto muito de vir no seu blog, tem criações muito bonitas. beijo