sexta-feira, 8 dezembro, 2017
Capa > Passo a Passo > Brincos > Brincos longos e fáceis de fazer
Brincos longos e fáceis de fazer

Brincos longos e fáceis de fazer


Pin It



Brincos longos e fáceis de fazer

Alerta para uma grande tendência! Os super longos – Vão quase nos ombros – São os brincos “olhem para mim”. Estes nas imagnes abaixo, incluindo os da atriz, não são os do estilo “chandelier” (lustre)  que todas nós amamos desde muito tempo atrás. Esses penduricalhos têm, com certeza, uma aparência significantemente mais glamurosa. Eu particularmente gosto muito mais.

Um dos meus estilos preferidos de brinco é o “chuveirinho”ou “cascatinha”. Basta uma corrente longa, do tamanho que preferir, anzóis para brincos e miçangas. Quanto menores as miçangas mais delicado seu trabalho. Use “afinetes” ou “pinos” de arame de bijuteria para unir as miçangas à corrente.
Nesse brinco abaixo foram utilizadas miçangas de tamanhos diferentes. Ao final elas vão diminuindo.

Correntinhas, anzóis, gotas pequenas e argolinhas pequenas. Note que para fazer as quatro quedas de cada brinco, foram utilizados dois acabamentos que normalmente são para pulseira ou colar. Muito fácil de fazer, e outra, quer um brinco mais longo? Basta aumentar a quantidade de gotas, argolinhas para prender as gotas nas correntes e use correntes mais longas!

Estilo egípcio. Um charme e fica super boêmio/boho dependendo do look que você poderá combinar.

Essa combinação de cores nesse brinco abaixo é uma beleza! Acho que é uma das minhas paletas de cores mais adoradas! Para a produção dessa peça, você vai precisar de miçangas nos tons abaixo do tipo bem pequenas (miçangas “seed” Japonesas redondas ou Rocaille), acabamento para brincos, fio de náilon e rosquinhas mínimas que vão segurar as miçanguinhas no final. Essas rosquinhas são aquelas que você amassa prendendo-as firmemente à ponta do náilon. Note que esta peça pode ser tão longa quanto você desejar!

Brincos com gotas laranjas.

Brincos de correntes e strass. O interessante nessa peça é que ela fica bonita de vários tamanhos. As correntes podem ser curtas ou super longas.  Essa combinação de turquesa com roxo ficou muito interessante, não é mesmo? Bom, o mais importante aqui e o que seria mais complicado de fazer nesse brinco é o laçado que arremata as miçangas menores. Veja mais sobre essa técnica visitando a nossa área de arames no menu acima ou clicando aqui.

Esse brinco abaixo é de uma leveza incrível! Para quem não podia usar brincos grandes porque machuca a orelha, agora vai ter a oportunidade de usufruir dessas peças tão charmosas.
Para fazê-lo, basta usar anzóis para brincos (ou bases chapadinhas), 2 argolinhas, miçangas miúdas (“seed”) e fio dourado que você pode encontrar tanto nas lojas onde se vende materiais para montagem de bijuterias como em lojas de materiais para costura. Esse fio é na verdade uma linha dourada e fina.
Primeiro, una as argolinhas aos anzóis, depois, corte pedaços de mais ou menos 10 centímetros de linha. 3 pedaços para cada brinco.

Enfie a linha na argolinha até a metade e dê um nó unindo os dois lados de forma que a linha fique presa à argolinha. Vá enfiando as miçangas e dando nozinhos após cada uma. Dê um pequeno espaço de uma para outra. Faça o mesmo com os outros fios até que os brincos estejam prontos.

Brinco de madrepérola, ótima dica para o verão, lugares de praia, estilo mais despojado e ao mesmo tempo chique. Lindo em loiras e morenas. Pode ser usado tanto de dia quanto de noite.

De metal, enoooooooooorme!

Multicolorido feito com gotinhas de cristal.
Se você gostou das dicas, deixe um recadinho!

Sobre MarianaEspindola

Formada em Direito, é Empresária, Escritora e Blogueira.

2 comentários

  1. Oi Moro na Florida- USA e adora Bijoux vou começar afazer aqui.
    Adorei as dicas!
    Bjs!