sexta-feira, 8 julho, 2016
Capa > Passo a Passo > Brincos > Mais de Frivolité! Passo a Passo e Inspirações
Mais de Frivolité! Passo a Passo e Inspirações

Mais de Frivolité! Passo a Passo e Inspirações


Pin It



Mais de Frivolité! Passo a Passo e Inspirações: O frivolité é uma ótima opção para a montagem de bijuterias. Isso porque, assim como os trabalhos feitos em arame ou fio de aço, essa técnica com linhas te dá a oportunidade de criar infinitos tipos de modelos desenhados de acordo com a sua criatividade. Para quem gosta de mandalas, o frivolité é mais uma opção bem legal! Você também poderá fazer brincos, colares, pulseiras, pingentes e muito mais usando apenas linha, navete ou agulha de crochê e até miçangas. Em postagens mais antigas no link “Frivolité e bijus”, eu falo mais sobre o material necessário. Vamos para um pequeno passo a passo de brincos de frivolité? (Para quem já tem noção de frivolité).
Para este modelo, utilize um navete, linha de crochê, dois acabamento para brincos (anzóis), duas argolinhas ou elos,miçanguinhas pequenas (seed), duas pérolas médias e duas pérolas pequenas.
Enfie duas miçanguinhas, faça 2 pontos e comece com uma voltinha aberta ( também conhecida como corrente aberta). Perceba que você deverá deixar um laço grande o suficiente para colocar o navete e deste laço é que os pontos serão iniciados.

Coloque uma pérola média no circuito de partida. Coloque o navete por esse laço. Enfie também as miçanguinhas da parte central mais baixa do brinco.

As contas pendentes no fundo são um picot grande. Faça o resto do caminho ao redor da pérola média. É bom manter um clipe de papel no espaço onde irá juntar-se, de que maneira que o espaço estará lá quando você for precisar dele, não se escondendo dentro da pérola!

Em seguida, deslize o mesmo número de miçangas em cada lado, e fixe-as no lugar com um ponto de bloqueio, para que fiquem no lugar.

Termine com outro “anel” de divisão, seguido por um “anel” normal, que era usado para esconder as extremidades.

Fim 😛
Obs: Lembrando que, para se trabalhar com frivolité, você deverá ter bastante paciência pois nem sempre vai sair tudo certinho no começo. É uma técnica que requer treino!

 

Sobre MarianaEspindola

Formada em Direito, é Empresária, Escritora e Blogueira.

3 comentários

  1. Bem legal! Mas acho que nunca vou trabalhar com essa técnica, rsrsrs, deu preguiça! Bjs.

  2. MARIANA QUERIDA! QUE LINDAS PEÇAS NÃO? EU FAÇO FRIVOLITE TB. CLARO QUE NÃO TENHO TEMPO PRÁ FAZER TUDO QUE SEI, MODESTIA A PARTE. MAS ESSAS IDEIAS SÃO MARAVILHOSAS. AMEI! BJKS E GRATA POR MAIS UMA VEZ SER A PORTA VOZ DE COISAS TÃO BELAS! BJKS